Dia do Vinho Rosé: por que você deve comemorar a data?

Leves, frescos e elegantes, os vinhos rosés mesclam o frescor dos brancos e a estrutura dos tintos.

Dia 25/6 é Dia do Vinho Rosé, um dos estilos mais subestimados no mundo dos vinhos. Para mudar esta realidade, trouxemos alguns motivos para dar uma chance a eles.

Antes de mais nada, você precisa saber que os vinhos rosés provêm do suco das uvas tintas retirado antes que as cascas confiram uma cor mais intensa. É justamente por isso que sua aparência fica rosada, como se fosse um meio termo entre os vinhos brancos e os tintos.

Os vinhos rosés podem ser feitos com as uvas Pinot Noir, Mourvèdre, Cabernet Sauvignon, Merlot, Carignan, Cinsault, Grenache, Malbec, Sangiovese, Syrah, Tempranillo, entre muitas outras.

Em regra, eles passam por um processo semelhante ao de vinificação dos brancos, só que com as uvas dos tintos e raramente passando por carvalho. Versáteis, eles podem ser leves ou de médio corpo, suaves ou secos, de acidez média ou elevada, frutados ou minerais… Resumindo, os rosés apresentam uma infinidade de possibilidades!

Como degustar?

OS vinhos rosés podem ser apreciados sozinhos ou acompanhados. Recomendamos que os mais leves sejam servidos com aperitivos, enquanto os secos e os mais encorpados harmonizam com a culinária oriental, especialmente japonesa.

Confira algumas dicas práticas de harmonização para celebrar o dia desses vinhos tão especiais:

99 Rosas Rosé

Vinho orgânico rosé com aromas frutados. Em boca, é seco e refrescante.

Harmonização: Massas e pratos à base de peixes.

Numbered Edition Soto de Oñatil

Trata-se de uma edição limitada e numerada: cada garrafa terá um rótulo único. Entre seus aromas, frutas vermelhas que lembram framboesa. Em boca, é fresco e frutado.

Harmonização: Ótimo para acompanhar aperitivos ou queijos diversos.

Trapecista Reservado Syrah Rosé

As uvas se originam no vinhedo Villa Alegre, no Vale do Maule, a 258 quilômetros de Santiago. O solo de origem vulcânica e o estilo mediterrâneo do clima são diferenciais para a elaboração desse exemplar.

Harmonização: Ótimo com aperitivos, saladas e carnes brancas.

Nederburg Rosé

Um rosé frutado com notas de frutas vermelhas. Em boca, é levemente suave e possui final agradável.

Harmonização: Ideal para acompanhar salmão defumado, saladas de verão e pratos vegetarianos.

Santa Julia Colección Syrah Malbec Rosé

Este é um dos melhores vinhos rosés produzidos na região. Apresenta sabores de frutas vermelhas com muita frescura. Indicado sem acompanhamento ou ainda com pratos leves.

Harmonização: Saladas com frutos do mar, culinária japonesa e tábuas de queijos e frios.

Experimente e surpreenda-se!

Quer mergulhar ainda mais no universo dos vinhos? Acesse o nosso blog!

Compartilhe este post!

Facebook
Twitter
Pinterest
WhatsApp

Confira mais em

Sauvignon Blanc

Dia Internacional da Sauvignon Blanc: tudo sobre esta espetacular uva branca!